Sobre nós

International Council photo by David Zurgilgen
International Council photo by David Zurgilgen

Conselho Internacional

O Conselho Internacional 

O Conselho Internacional proporciona liderança a IdeM em consonância com os objetivos de Iniciativas de Mudança Internacional e as decisões da Assembleia Global Anual. O Conselho é composto de nove a onze membros eleitos pela Assembleia. O Presidente faz a interface em alto nível com os membros e mantém amplo domínio sobre a visão, missão e a boa governança. O trabalho de governança do Conselho é dirigido pelo Vice-Presidente, trabalhando junto com o Tesoureiro e o Diretor Executivo. O Diretor Executivo é responsável pelas operações de dia-a-dia de IdeM Internacional e relata ao Vice-Presidente. Para uma descrição mais detalhada, veja o Estatuto da Associação.

Membros Atuais

Mohan Bhagwandas
Mohan Bhagwandas

Depois de trabalhar internacionalment com IdeM (Rearmamento Moral) no Sul da Ásia, Europa, América do Norte e Pacífico/Austrália, Mohan concentrou-se numa carreira da tecnologia da informação em 1990. Empregado por 15 anos numa posição gerencial em Estratégia dos Negócios numa empresa de sistemas globais de informação. Ele usou as habilidades de liderança de IdeM para seu trabalho. Era solicitado a fazer decisões de alto-risco, lidar com mudanças em massa, desenvolver planos operacionais e estratégicos e adaptar-se a um espaço global de trabalho. Sua experiência com IdeM também o capacitou a desenvolver integridade e confiança nos negócios e levar habilidades de liderança para sua equipe.

Em 2006, Mohan dedidiu mudar de um emprego de tempo integral para um de tempo parcial, para poder desenvolver a conferência Confiança e Integridade na Economia Global (TIGE) em Caux. Nos últimos 6 anos ele foi coordenador internacional, trabalhando com um grupo de mais de 30 jovens, empresários, acadêmicos, ambientalistas, facilitadores em liderança e outros – como parte de uma equipe em crescimento, oferecendo uma conferencia annual de alta qualidade e um programa continuo em vários países.

Ron Lawler
Ron Lawler

Ron Lawler tem sido um administrador em governos estadual e federal na Austrália desde 1992. Antes disso, ele viveu e trabalhou em uma área remota, durante quatro anos, onde administrou uma ONG de comunidade controlada por Aborígenes apoiando o regresso destes à sua pátria tradicional. Após a graduação na Universidade, trabalhou 15 anos em tempo integral como voluntário para IdeM na Índia, Sudeste Asiático, Europa e Canadá. Ele mantém um interesse particular na Indonésia e ainda está aprendendo o idioma. Como planejador de serviço comunitário estratégico e gerente de orçamentos e contratos, ele tem se empenhado em respostas inovadoras para os sem-teto, proteção infantil, fortalecimento da família e no desvio de homens jovens aborígenes do sistema de justiça criminal.

Kiran Gandhi
Kiran Gandhi

Kiran Gandhi é consultor em recursos humanos para companhias de diferentes portes na Índia. Antes trabalhou como Chefe de Recursos Humanos em 3 companhias globais da Índia e foi chefe de treinamento da Tata Motors, em Jamshedpur. Ele oferece treinamento corporativo em liderança e gerenciamento, atuando também como técnico executive em companhias líderes de Mercado. Kiran foi professor visitante em prestigiadas escolas de negócios como a Indian Business School, o Indian Institute of Management e a Tata Management Training Centre, sendo facilitador regular em Asia Plateau, o centro indiano para Iniciativas de Mudança (IdeM). Ele graduou-se como bacharel em Tecnologia no Indian Institute of Technology, em Mumbai, e é pós-graduado em Gerenciamento de Negócios no Xavier Labor Relations Institute, Jamshedpur. Kiran desenvolveu uma paixão pela construção de relações humanas e de equips depois de conhecer as ideias de IdeM, quando estudante.

Nos últimos 3 anos, Kiran conduziu duas oficinas Coração de Liderança Efetiva em Caux, o centro de IdeM na Suíça, além de uma conferência “Ferramentas para Transformação” em Kuala Lumpur, organizada por IdeM Malásia. Estas oficinas tem sido bem recebidas por participantes de diferentes origens culturais.

Barry Hart é professor de Trauma, Identidade e Estudos de Conflitos no Centro pela Justiça e Construção da Paz na Universidade Eastern Mennonite. Ele foi Diretor Acadêmico do Centro pela Justiça e Construção da Paz entre 2009-2012 e ocupou o mesmo cargo no Programa Estudiosos de Caux, Suíça entre 1997-2010. Dr. Hart tem realizado oficinas sobre recuperação de trauma psicossocial e reconciliação na Irlanda do Norte, Libéria, Serra Leoa, Uganda, Burundi e entre os refugiados ruandeses na Tanzânia. Hart viveu e trabalhou nos Bálcãs, onde desenvolveu e liderou programas de trauma e transformação de conflitos em escolas, comunidades e líderes religiosos. Esteve envolvido em um projeto de três anos de duração no Instituto de construção da paz e desenvolvimento curricular entre a Universidade EM e a Universidade de Hargeisa, na Somalilândia (2008-2011). Também co-liderou oficinas inter-raciais em Richmond, Virginia, por Esperança nas Cidades. Ele possui o título de Ph.D. em Análise e Resolução de Conflitos, do Instituto para a Análise e Resolução de Conflitos (ICAR), pela Universidade George Mason. Suas publicações incluem o livro “Consolidação da Paz em Sociedades Traumatizadas” e numerosos capítulos de livros e artigos de revistas sobre a transformação de conflitos e justiça restaurativa e o poder da dignidade no processo de negociação.

Olena Kashkarova
Olena Kashkarova

Olena é uma ucraniana de origem familiar russa. Ela se envolveu nos trabalhos de IdeM através do programa para a Europa Oriental ‘Fundações para a Liberdade’, em 2001, e viajou pela Europa, pelo Sudeste Asiático, América Latina e EUA com diferentes iniciativas de IdeM.

Durante três anos, coordenou o desenvolvimento da plataforma de treinamento e da casa comunitária na cidade de Baranivka, na Ucrânia Central.

Seu principal interesse reside no trabalho do diálogo, especialmente na Ucrânia, entre pessoas de diferentes contextos e pontos de vista políticos. Ela iniciou o trabalho através do projeto ‘Curando o Passado’, que explorou uma compreensão diferente da história como raiz do conflito na sociedade ucraniana, iniciou diálogos entre pessoas com diferentes pontos de vista políticos durante a revolução de Maidan em 2013-14 e trabalhou para o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, como especialista em reconciliação. Ela estuda comunicação não-violenta e explora práticas de incorporação para desenvolver uma abordagem integral ao diálogo.

Wadiaa Khoury
Wadiaa Khoury

Wadiaa Khoury é professora e pesquisadora de política e legislação educacional em três universidades no Líbano, com foco na educação cívica. Ela também está envolvida com o Ministério da Educação e o Centro de Pesquisa e Desenvolvimento Educacional (CERD) no estabelecimento do programa nacional de serviços comunitários e nos processos de desenvolvimento do Currículo Cívico.

Wadiaa tem atuado com Iniciativas de Mudança desde 2001, quando se juntou à ‘Action for Life 1’ por 10 meses na Índia e no Leste Asiático.

Ela tomou parte de algumas iniciativas libanesas e de muitos programas e conferências internacionais de IdeM ou relacionados a IdeM, todos focados na construção de confiança através da escuta ativa e do diálogo. Ela fez parte do ‘Gandhi Voyage of trust’ em 2010 na África e na Europa, onde se inspirou para desenvolver tanto os seus mestrados em Educação como em Direito Público para prosseguir com seus estudos de doutorado e pesquisas em Política Educacional e inclusão da ética e componentes de competências cívicas no treinamento de professores.

Este último tema foi legitimado pelo encontro frequente com os professores, com estudos de currículos no Iraque, no Egito e no Líbano entre 2011 e 2013, e com a percepção do vínculo claro entre radicalização, fanatismo OU empreendedorismo e boas iniciativas comuns, de um lado, e o que é transmitido diariamente pelos professores através dos currículos anunciados e ocultos, do outro lado.

Stephen Kimaru
Stephen Kimaru

Stephen Kimaru foi voluntário de IdeM nos últimos 9 anos. Ele conheceu IdeM quando estudava Direito na universidade. Após a graduação em 2009, ele decidiu dar um tempo de IdeM por um ano, mas Deus tinha outros planos. Desde então, ele tem sido voluntário em tempo integral.

Ele é membro de IdeM no Conselho do Quênia como Secretário e Tesoureiro e também membro do Grupo de Coordenação Africano.

Ao longo dos anos, Stephen tem estado fortemente envolvido em várias iniciativas diferentes em IdeM, tanto no Quênia como internacionalmente. Isso o expôs a uma variedade de treinamentos e ambientes diferentes. Esteve envolvido em grandes programas, como a Campanha das Eleições Limpas, o Programa Juventude da África Oriental, a Oficina para a África e Uma Jornada de Cura para a Reconciliação Nacional no Sudão do Sul, apenas para mencionar alguns.

Atualmente, ele está fortemente envolvido em processos de reconciliação através do programa Des-radicalização através de Diálogos inter-religiosos e também na iniciativa ILLP no Condado de Baringo, no Quênia.

Stephen é também diretor de três empresas, Effective Change Consultants, Xperience Media e Penguin Group. Ele é casado e tem um filho.

Camilla Wilhelmsen Nelson
Camilla Wilhelmsen Nelson

Camilla Wilhelmsen Nelson trabalha como professora de Mídia e Comunicação em uma escola em Drammen, Noruega. Depois de ter recebido seu mestrado em Comunicação Visual pela Academia Nacional de Arte e Design em Oslo, ela trabalhou como freelancer em designer gráfico e ilustradora por cinco anos, antes de começar a trabalhar como professora e estudar pedagogia para se tornar uma professora certificada. Nos últimos oito anos, ela tem dedicado um dia por semana para trabalhar com IdeM e cuidar de seu centro em Oslo. Ela tem sido parte da equipe de organização de reuniões do Ano Novo na Noruega nos últimos 30 anos, bem como quatro conferências intergeracionais em Caux, Suíça. Camilla é casada com Axel e eles têm três filhos.

Camilo Villa
Camilo Villa

Inspiração para a mudança seria o rótulo que melhor descreve quem eu sou. E eu amo expressá-lo através de experiências de aprendizagem, isto é: eventos, oficinas, cerimônias, etc. Em minha caixa de recursos, combino conhecimento, métodos e ferramentas de diferentes domínios que variam das ciências sociais ao empreendedorismo, ferramentas de internet e sabedoria nativa americana. Amo escrever. Combino atividades comerciais neste campo com IdeM.

Meu nível de engajamento com a equipe colombiana vem aumentando nos últimos anos. Desempenho um papel de liderança na equipe e, em conjunto com a minha esposa, promovemos círculos e eventos de reconciliação e perdão. Além disso, estamos envolvidos em uma iniciativa que apoia ex-prostitutas em sua jornada de cura de suas feridas e para que desenvolvam seus próprios negócios.

Minha jornada pode ser explicada em quatro períodos. O primeiro foi o do jovem profissional com uma carreira instantânea, 1985-2001. Naquele período, obtive algumas graduações e ocupei empregos de alto nível em organizações públicas e, no final, tornei-me palestrante em uma das melhores universidades colombianas. O segundo período pode ser rotulado como o encontro com a minha própria escuridão, 2002-2009. Quase 10 anos vivendo no exterior. Tudo desapareceu: empregos, empresas, estudos e até o casamento. O resultado principal: me livrei de uma grande parte do meu ego e comecei a verdadeira jornada para encontrar quem eu sou.

Meu retorno à Colômbia foi o evento de encerramento desse período. O terceiro seria o místico. Explorando a mim mesmo, tive experiências profundas e místicas que me levaram a reinos e experiências inesperados. Retornar à minha pátria era mais do que uma questão de realocação, foi acima de tudo um encontro profundo com a Terra e a natureza. Isso me forneceu um elo perdido: meu chão. Eu estava pronto para o último e atual período: a alegria do amor e do empreendedorismo. Conheci Luz Stella, que simplesmente me ensinou como amar, como viver em um relacionamento em que aprendizagem, cura, transparência, compaixão e Deus estão no cerne. Criamos nossa empresa. Eu me tornei avô e a abundância surgiu em minha vida.

Tradução por Paulo Zanol