Criadoras de Paz
Envolvendo as mulheres em seu papel como criadoras de paz em cada nível da sociedade

Criadoras de Paz

A iniciativa de Criadoras de Paz (CoP) foi lançada em 1991 no centro de conferências de Iniciativas de Mudança, em Caux, Suíça, pela honorável Anna Abdallah Msekwa, da Tanzânia, uma política respeitada e líder de organizações de mulheres em seu país. Em seu discurso de posse, ela pediu a todos para “criar a paz onde quer que estejamos, em nossos corações, em nossas casas, em nosso local de trabalho e em nossa comunidade. Todos nós culpamos alguém de ser a pedra no sapato... Poderia esse alguém ser eu mesma?”

CoP é agora uma rede global de pessoas que trabalham em diferentes continentes através de Círculos de Criadoras de Paz, oficinas, encontros pessoais, atividades de construção de comunidades e conferências internacionais – Caux, na Suíça, em 1991 e 1994, Índia em 2001, Uganda em 2005 e Austrália em 2009. Uma delegação participou da Conferência das Mulheres, da ONU, em Pequim (1995).

"Encontro marca os 25 anos das Criadoras de Paz" 

O 25º Aniversário das Criadoras de Paz foi celebrado por mais de 200 participantes de 43 países na Conferência "Vivendo a Paz", a qual aconteceu em Caux, Suíça, de 4 a 10 de agosto de 2016. Desde o princípio, todas foram convidadas a procurar respostas sobre o que significava viver em paz. Foi constatado que uma nova história para o mundo pode ser o resultado de indivíduos e comunidades que colocam em prática a paz em suas próprias vidas. Leia mais >>

Living Peace Participants

 

Notícias Atuais

sexta-feira, 23 Setembro, 2016
‘One for all and all for one’. Women power showing the way.

Após os dois dias de sessão de treinamento em Ferramentas para a Mudança, no Timor Leste, os presentes participaram de dois programas distintos – Criadoras de Paz, para 13 mulheres e Iniciadores de Paz, para 11 homens. Aqui está um relatório da oficina de Criadoras de Paz.

sexta-feira, 23 Setembro, 2016
Patrick Santa Maria

Following the two days Tools for Change training session in Timor Leste, the participants attended two separate programmes. Dr Robert Chen, Haridas and Patrick Santa Maria took on the challenging task of conducting the Creators of Peace session for men - one of the first times that such a programme was conducted for men!

sexta-feira, 09 Setembro, 2016
Living Peace Conference Closing Day 2016

O 25º Aniversário das Criadoras de Paz foi celebrado por mais de 200 participantes de 43 países na Conferência "Vivendo a Paz", a qual aconteceu em Caux, Suíça, de 4 a 10 de agosto de 2016. Desde o princípio, todas foram convidadas a procurar respostas sobre o que significava viver em paz. Foi constatado que uma nova história para o mundo pode ser o resultado de indivíduos e comunidades que colocam em prática a paz em suas próprias vidas.

quinta-feira, 01 Setembro, 2016

“No meio de guerras, dor e tristeza, havia um lugar, um programa e uma mulher que estavam fornecendo esperança, amor e entusiasmo”.

segunda-feira, 29 Agosto, 2016
Eighth Peace Circle in Brazil,15-17 July, 2016

Com grande diversidade de idades, trabalhos e experiências de vida, reunimo-nos 11 mulheres para um novo Círculo de Paz no Sítio São Luiz, sede de Iniciativas de Mudança no Brasil. Todas com um interesse em comum: construir a paz pessoal para levá-la depois aos nossos entornos.

quinta-feira, 04 Agosto, 2016
Alisi Waqainabete

"Acredito que as jovens mulheres que estão passando por dias sombrios de negligência e depressão podem superar seus problemas se enxergarem além da dor e entender que como você se sente sobre si mesmo é o que você se permite sentir." Reflexões sobre Viver a Paz, por Alisi Waqainabete, de Fiji

quinta-feira, 04 Agosto, 2016
Iman AlGhafari and Kate Monkhouse

"Ser um pacificador significa ser desafiado e confrontado com a minha própria fraqueza, e ser testado por Deus e pelo universo, a fim de realizar a tarefa devidamente." Reflexões sobre Viver a Paz, por Iman AlGhafari, da Síria.

quarta-feira, 03 Agosto, 2016
Ragnhild H. Østmo

"Se era para a verdadeira paz se tornar viva e ativa em minha vida, eu precisava que a paz se tornasse de alguma forma parte da minha rotina diária. Isso significava disciplina e ser verdadeiro com a minha decisão – mesmo através de períodos sem inspiração e períodos sem resultados visíveis." Reflexões sobre Viver a Paz, por Ragnhild H. Østmo, da Noruega

quarta-feira, 03 Agosto, 2016
Bek Brown

Dando início à Conferência do aniversário de 25 anos de Criadoras de Paz em Caux, 6 mulheres da nossa rede global vindas da Austrália, Burundi, Fiji, Noruega, Suíça e Síria irão dividir suas reflexões sobre o que ‘viver a paz’ significa para elas. Bek Brown, um membro do Comitê Organizador da Conferência, começa compartilhando seus pensamentos sobre o que fará essa semana de ‘vivendo a paz’ tão especial.

sábado, 30 Julho, 2016
Peace Circle group Trinity Washington University

Quem está se manifestando? Quem está surgindo? Quem vai ser uma voz para a paz em um mundo de conflito e ódio? Dez mulheres se reuniram em junho em um Círculo de Paz na Universidade Trinity Washington para refletir sobre o que a paz significava para elas. Estudantes, funcionárias e professoras da Universidade, de todos os três ramos das religiões abraâmicas – judias, muçulmanas e cristãs – reuniram-se com outras mulheres da cidade para contar suas histórias pessoais, compartilhar sua fé e realizar seus círculos de preocupação sobre a paz.

Páginas