Programas

Programmes - HiC - Background

ESPERANÇA NAS CIDADES
IDÉIA BASE
HIC page feature image

Idéia-Base

O programa Esperança nas Cidades (HiC) foi lançado em 1990, como suporte para unir líderes políticos, comunitários e empresários em Richmond, Virgínia, Estados Unidos, para enfocar a questão da cura das diferenças raciais.

O HiC tornou-se uma rede nacional em 1993, quando estes líderes patrocinaram uma conferência com o nome "Curando o coração da América do Norte: um diálogo honesto sobre raça, reconciliação e responsabilidade". Esta conferência teve 1000 participantes de 50 centros urbanos dos Estados Unidos e 20 outros países. Foram examinados os impactos nos lares, na educação, na polícia, nas relações comunitárias e a política pública com relação às famílias.

Em maio de 1996, o EnC lançou um "Chamamento para as Comunidades no Clube Nacional de Imprensa" em Washington, DC, um programa que promoveu uma demonstração de diálogo respeitoso, honesto e público sobre as etnias. Ao lançar este programa, o HiC criou uma rede de 200 pessoas, organizações nacionais e parcerias.

Objetivo

O propósito do Esperança nas Cidades é prover uma estrutura para o diálogo honesto e de colaboração entre grupos de cidadãos. Ele cria condições embasadas na verdade entre pessoas de diferentes raças, de origens sociais e visões políticas divergentes. Constrói parceria entre líderes dos setores público e privado, e entre diferentes culturas e tradições religiosas.

Líderes urbanos e ativistas na Inglaterra, Brasil, África do Sul, Austrália e outros países estão também participando dos programas do HiC internacionalmente.

Como

O método é baseado em três passos interconectados:

  • Diálogos honestos focalizando novas parcerias entre pessoas com diferentes pontos de vista.
  • Responsabilidade pessoal para mobilizar-se através da dor pessoal, da culpa, e da negação, para implementar ação construtiva e oferecer liderança através da transformação social.
  • Atua no reconhecimento e reconciliação de histórias raciais específicas e seu impacto na vida comunitária.

Para Walter T. Kennedy, Virgínia foi caracterizada pelo trabalho do HiC da seguinte forma: "O processo para o esquecimento do passado e a não alimentação do jogo da culpa é crítico para um crescimento real. A mentalidade de vítima ou de culpado nos engessa nesta inércia. O Esperança nas Cidades promove a arena de liderança altruísta e parceria para construção da verdade e da esperança".